Perfume de Jacarandá

Quem és tu. Quem és tu que assim vens pela noite adiante, Pisando o luar branco dos caminhos, Sob o rumor das folhas inspiradas? Sophia de Mello Breyner Andreson

domingo, agosto 29, 2010

Sob um luar de Agosto

Terá sido por ventura uma noite como esta que inspirou Beethoven na ’sua’ sonata; génios e estrelas brilham, o luar-platinado combina na perfeição com a serenidade e magia da noite !
A "dama da noite" dança ao ritmo da brisa sobre um luar de Agosto! O ar aromatizado por esta pequena flor tubular branco-esverdeado, que abre somente à noite para exalar o seu perfume, dizem ser o mais forte do mundo de plantas com cheiro.
Um encanto simples que encontrei numa amena e silenciosa noite de Verão... captei a imagem, o aroma inebriante ... esse é impossível!

segunda-feira, agosto 23, 2010

Alfazema ou Lavanda



A cor é magnífica! Facilmente identificável pelo seu aroma extremamente agradável; eu aconselho esfregar com suavidade as flores nas mãos e colocar em forma de concha para uma lenta e profunda inspiração.
A flor (Lavandula) tem inerentes à sua fragrância a calma, a tranquilidade e a pureza. Não se duvide.
O nome é, claro, latino (de “Lavare”), que significa lavar, óbvio; ‘portanto’ muito utilizada em banhos de purificação e como perfume. Em época de floração as paisagem de cor lilás são únicas.



Na sua forma, na sua cor, no seu aroma na sua textura, nela tudo é real!



Se as fotografias tivessem cheiro seria muito bom;
Este’exemplar’que adquiri em viagem de férias tem esse aroma!

terça-feira, agosto 17, 2010

Preciosa visita

Voam lentamente sobre as flores de equinácia estas abelhas grandes; dos insectos visitantes mais agradáveis para qualquer jardim. O seu corpo peludo, é colorido e talvez pouco elegante; num voo permanente fazem um trabalho essencial buscar o néctar e o pólen . Uma boa polinização garante a variabilidade genética dos vegetais e a formação de bons frutos: ao buscar o seu alimento nas flores, levam junto ao corpo o pólen para outras plantas tornando-se portanto indirectamente responsáveis pela produção de alimentos: frutas, legumes e grãos.
Este meu pequeno hóspede deixou-se observar bem, depois virou-se...e voou para outro jardim ...




Disse A. Einstein: “Quando as abelhas desaparecerem da face da Terra, o homem tem apenas quatro anos de vida.”

quarta-feira, agosto 11, 2010

estive lá



O Museu Hergé é uma admirável obra de arquitectura. Localizado em Louvain-la-Neuve, arredores de Bruxelas, abriu ao publico em Junho de 2009. O edifício lembra um grande navio, uma imagem que deliberadamente faz eco às várias proezas marítimas de Tintim.
Nos três andares e nove salas do museu (uma delas de exposições temporárias) em forma de prisma, com uma área de 3600 metros quadrados, encontramos cerca de 900 desenhos e pranchas originais de Hergé, objectos pessoais do autor, documentos e fotografias familiares. Assim, acompanhada por um Ipod de última geração,- guia fundamental para a visita- foi fácil "penetrar no mundo de Hergé”, descobrir a sua vida, o que amava, as suas viagens, os animais de que gostava, a sua paixão por carros e sobretudo "o homem multifacetado" que era, o artista cuja criação maior foi Tintim, em Janeiro de 1929.
O nome verdadeiro de Hergé era Georges Remi. O seu pseudónimo provém da pronúncia francesa das suas iniciais invertidas, R.G.
Foram cerca de três horas bem passadas num espaço moderno,atraente, dinâmico; voltarei um dia pois que algumas das exposições são temporárias.
Entrem também

sábado, agosto 07, 2010

Brugge á luz do dia

Esta 'Veneza' de tranquilos canais é um cantico à beleza! é um paraiso sereno, ambiente perfeito para aqueles que, tal como eu procuram retirar-se do seu ritmo de vida frenético para algo mais calmo.



Casas e ruas medievais, bem conservadas emprestam-lhe um ar de magia, um ambiente único e sedutor; tantas histórias poderiam elas contar ...
Na decoração por vezes desconcertante e divertida encontra-se harmonia, equilíbrio: é aqui que me sinto parte deste cenàrio bem flamengo e também em tons lilás!


(clicar)

terça-feira, agosto 03, 2010

Brugge

As águas calmas do canal brilham; os misteriosos edificios medievos sugerem a passagem de musas inspiradoras de pintores e poetas.
É tempo para relaxar, tempo para desfrutar, tempo para apreciar toda uma beleza que é única; é como viver num mundo encantado dificil de mostrar; são estes momentos surpreendentes a cada canto e recanto, que as minhas palavras não conseguem descrever; quero guardar todas as imagens na minha memória; por isso vou captando estes ' tesouros' para em casa poder continuar a olhá-los, a vivê-los a saboreá-los...




(clicar)

 
Free Flower Cursors at www.totallyfreecursors.com