Perfume de Jacarandá

Quem és tu. Quem és tu que assim vens pela noite adiante, Pisando o luar branco dos caminhos, Sob o rumor das folhas inspiradas? Sophia de Mello Breyner Andreson

sábado, janeiro 16, 2016

Foi há sete anos


Foi há sete anos que tudo começou: num espaço vazio e sem cor plantei um jacarandá, pequenino, ainda com pouca côr, cuidei dele, reguei-o com carinho, vi-o florescer num manto belíssimo lilás; colhi a primeira flor, a segunda, e desde então muitas mais tenho colhido e oferecido. Anda agora um pouco mais ‘fraco’, mas a primavera virá e espero que ele volte mais florido e perfumado.
Muitas amizades aqui nasceram, silenciosas amizades que se exprimiram por palavras... a atenção concedida foram pequeninas sementes que  se espalharam e ficaram aqui guardadas; cuidarei  delas para que possam continuar a germinar…flores lilás.


 Está precisando de afagos, este jacarandá! e o “Linus” agora já com 4 aninhos, controlando e dormitando enquanto a dona escreve, promete incentivar a que muitos mais aniversários aqui sejam festejados.







 
Free Flower Cursors at www.totallyfreecursors.com