Perfume de Jacarandá

Quem és tu. Quem és tu que assim vens pela noite adiante, Pisando o luar branco dos caminhos, Sob o rumor das folhas inspiradas? Sophia de Mello Breyner Andreson

quarta-feira, outubro 20, 2010

(Cynara cardunculus L.)



Os cardos nascem espontaneamente e prosperam exuberantes nos campos. Pelo menos aqui comportam-se assim. São uma beleza da flora portuguesa, matizam a paisagem verde com os seus pompons coloridos de tom lilás. Depois de devidamente seco ainda é usado na confecção do queijo de cabra, ovelha…uma raridade.
Este aqui acima estava á minha espera, oscilando à mínima aragem, tão ao de leve! Fiquei fascinada não só pela flor mas também pela forma e cor! Pena durar pouco tempo, mas ele agora vive na minha fotografia e será efémera a sua beleza! Pequenos nadas que me fazem sentir bem.



“...Adornou meu quarto a flor do cardo,
Perfumei-o de almíscar recendente;
Vesti-me com a púrpura fulgente,
Ensaiando meus cantos, como um bardo: …”

Antero de Quental

52 Comentários:

  • Às 20 de outubro de 2010 às 18:48 , Blogger Rosa dos Ventos disse...

    Uma boa informação da qual não me lembrava há muito...
    Belas imagens e Antero de Quental para rematar!
    Lindo...

    Abraço

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 18:51 , Blogger Mariazita disse...

    Olá, Lila
    É engraçado como uma planta tão...agressiva (porque pica muito!) pode dar flores tão bonitas e delicadas.
    De facto dura muito pouco, mas em foto torna-se quase imortal.
    Lindo post.

    Beijinhos

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 18:53 , Blogger Mona Lisa disse...

    Olá

    Um "pom pom" de ternura.

    Um post soberbo: texto, fotos e poema.
    Parabéns.

    Bjs.

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 18:58 , Anonymous Anónimo disse...

    Lilinha linda, faz-me tão bem vir ao teu canto!
    Apesar do sol os dias andam tão cinzentos que só tu me fazes sentir bem.
    Beijo princesa
    TL

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 22:13 , Blogger AC disse...

    O cardo, que se costuma dar em zonas rochosas, quando em flor, fornece o tom da preciosidade das pequenas coisas à paisagem agreste...
    Que belas imagens, Lilá(s)!

    Beijo :)

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 22:21 , Blogger Chica disse...

    Que lindo e bem informativo o teu post!um beijo,tudo de bom,chica

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 22:22 , Blogger Pedrasnuas disse...

    PARECE-ME UMA FLOR MARINHA...COM OS SEUS TENTÁCULOS DELICADOS MAS BELOS...É MESMO PARA FICAR FASCINADA!!!

    DEIXO-TE UMA BREVE ARAGEM.

    BJ

     
  • Às 20 de outubro de 2010 às 23:03 , Blogger São disse...

    Que contraste entre a beleza e agressividade o cardo nos oferece!

    Um abraço.

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 04:55 , Blogger lis disse...

    Oi florzinha
    Aqui nao vi ainda essa flor, parece ser a flor da alcachofra , nao?
    e é mesmo lindíssima, uma raridade, fiquei sabendo lendo em outros blogs também sobre esse aproveitamento pra fins domésticos.
    Linda demais essa cor lilás.

    hoje ofereci o Ladinho pra outra gatinha de uma blogueira amiga( que a Pitty nao fique com ciúmes)
    rsrs)
    meus abraços Lilá(s)

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 09:57 , Blogger clic disse...

    Pequeno nada mas em lilás!... :)))

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 14:06 , Blogger Vieira Calado disse...

    Conheço-os bem.

    E como tenho especial predilecção pelas humildes flores dos campos...

    Beijoca

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 14:28 , Blogger Pena disse...

    Preciosa e Estimada Amiga:
    Registei:
    "...Os cardos nascem espontaneamente e prosperam exuberantes nos campos. Pelo menos aqui comportam-se assim. São uma beleza da flora portuguesa, matizam a paisagem verde com os seus pompons coloridos de tom lilás. Depois de devidamente seco ainda é usado na confecção do queijo de cabra, ovelha…uma raridade...."

    Que lindo Post, bem à sua deliciosa e terna formas.
    Maravilha, enternece e encanta.
    Parabéns sinceros. Adorei, bem como a ternura da sua visita de sonho.
    É linda, sabia?
    Bem-Haja, pela beleza constante do que concebe e todos gostam.
    Beijinhos amigos ao seu fascínio.
    Com respeito e admiração.
    Sempre a lê-la com atenção dada a sua preciosidade humana imensa.

    pena

    Bem-Haja, fantástica amiga. Adorei.
    Excelente!
    MUITO OBRIGADO!

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 17:38 , Blogger MagyMay disse...

    E quantas vezes passamos por eles sem os olhar... aqui encantam!

    Porque será? Sensibilidades, certamente!

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 23:20 , Blogger AVOGI disse...

    lá dizia a manela: foram cardos foram prosas hihi
    kis :)

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 23:22 , Blogger piedadevieira disse...

    Como fico feliz de encontrar essa cor lilás nos meus comentários!
    Alegrarei-me muito mais ainda de vê-la para sempre nos meus seguidores. Será um grande prazer!
    Concordo com o que disse no seu post, agora essa flor estará com você para sempre. Não é uma grande satisfação? Porque, realmente, ela é maravilhosa.Adoro flores.

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 23:49 , Blogger piedadevieira disse...

    Agora posso dizer como você: ela vive na minha fotografia...rsrsrs
    Estou rindo a toa.
    Beijinhos
    Esqueci de dizer que amo lilás.

     
  • Às 21 de outubro de 2010 às 23:53 , Blogger Pelos caminhos da vida. disse...

    Não a conhecia, mas és bela, essa cor me fascina.

    Obrigada pela sua companhia.

    beijooo.

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 00:25 , Blogger Valéria Gomes disse...

    Não conhecia, mas já me apaixonei!

    Tenha um lindo fim de semana!!!

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 00:50 , Blogger alegria de viver disse...

    Olá querida

    Muito obrigada, gosto quando me visita.
    Lindos cardos, conhecia com flores brancas, nunca tinha visto nessa maravilhosa cor lilás.

    Com muito carinho BJS.

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 11:22 , Blogger Lilazdavioleta disse...

    Lilá(s),
    retribuo , agradecendo , as tuas palavras .

    Mas que dizer desta maravilha ?
    As fotos estão óptimas , o teu dizer e o de Antero de Quental completam .

    Gosto , mas muito , de cardos , e conservo - os secos , e bonitos , num pote , há mais de um ano .
    [ sei que a natureza é para ser contemplada no seu habitat , mas um dia não resisti . Nem sempre se consegue esse despojamento]

    Um beijo

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 15:56 , Blogger APO (Bem-Trapilho) disse...

    aiii que inveeeejjjjaaaa da tua profissão! :) inveja da simpática, não te preocupes. mas é uma das minhas profissões e eleição, mas acabei por me decidir por outros rumos na vida.

    ahhh e a formação cívica tb me parece muito bem. no fundo realizo-me um pouco nessas duas facetas com o voluntariado que faço na Biblioteca.

    bjinhos e obrigada por mais uma aulinha da flora maravilhosa que temos ao nosso dispor neste planeta. ainda agora acabei de ver um pequeno filme que conto partilhar no meu blog em breve, sobre a matemática e a natureza, e como reflectir sobre essa realidade me faz ter a certeza absoluta de que todo faz parte de um imenso plano muitissimo bem traçado (a régua e esquadro! ;) ).

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 17:26 , Anonymous lililaranjo disse...

    são

    Gaivota bonita
    A vida é complicada. umas vezes alegre outras bem duras.
    beijos e volta sempre

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 18:03 , Blogger Justine disse...

    Encantam-me, quando nos meus passeios pela aldeia os encontro a acenarem-me dos campos. Do bom que a natureza nos oferece!!

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 18:50 , Blogger A.S. disse...

    Que beleza de imagens!
    Os cardos podem parecer agressivos, mas são lindos vestidos com a sua cou lilás!...


    Beijos!
    AL

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 21:05 , Blogger Giardia disse...

    Tão bonito e explicativo!

    Bom fim de semana.

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 21:33 , Blogger Maria disse...

    Amiga, que post lindo. Fotografias encantadoras. As flores são sempre magnificas.
    Tenha um excelente fim de semana
    bjs do tamanho do infinito
    Maria

     
  • Às 22 de outubro de 2010 às 23:03 , Blogger Xana disse...

    Passei pra desejar um óptimo fds e deixar um beijo grande :)

     
  • Às 23 de outubro de 2010 às 11:20 , Blogger meus instantes e momentos disse...

    que bonito teu blog.
    Tenha um final de semana feliz.
    Maurizio

     
  • Às 23 de outubro de 2010 às 12:18 , Blogger Li Dias disse...

    ...assim vai matando minha enorme vontade de conhecer seu país. Ah! que me deu vontade de sentir seu perfume...

    Um ótima semana lilás pra vc!

    PS: qual disciplina vc leciona?

     
  • Às 23 de outubro de 2010 às 12:59 , Blogger Pérola disse...

    Bom dia minha flor.
    Suas visitas deixam em meu blog um aroma delicioso.
    Muito obrigado pelo seu carinho.
    Beijo grande e um lindo dia.
    Beijokas.

     
  • Às 23 de outubro de 2010 às 22:15 , Blogger Pedrasnuas disse...

    E O CARDO AINDA TE ESPERA? OU ...JÁ SE ETERNIZOU NA FOTOGRAFIA?

    BJ

     
  • Às 23 de outubro de 2010 às 23:14 , Blogger tulipa disse...

    Só hoje pude voltar a fazer um post, mas tive que fazer de uma forma como "NUNCA antes tinha feito"...
    isso originou que eu não posso escolher o tipo de letra, justificar o texto,
    escolher a cor da letra, enfim...
    um sem número de diferenças que não me agradam, de todo.

    Quem sabe, não será este o ponto de partida para eu "desistir" da blogosfera...

    Peço desculpa a quem me visita, se a aparência do post não for a mais aceitável, mas...muito sinceramente, não consigo fazer melhor.

    Bom fim de semana.
    Abraços outonais.

     
  • Às 24 de outubro de 2010 às 11:16 , Blogger CarlaSofia disse...

    É lindo, a sua cor é magnífica!
    beijinhos*

     
  • Às 24 de outubro de 2010 às 13:47 , Blogger Fa menor disse...

    Sentia um fascínio pelos cardos quando, em pequena, ao domingo percorria a pé o caminho que separava a igreja da minha casa.
    Já há muito que não os tenho visto...

    Bjins

     
  • Às 24 de outubro de 2010 às 17:57 , Blogger Flor de Lótus disse...

    Oi,Querida!Nossa que flor linda nunca tinha ouvido falar nela, bom conhecer um pouco da flora portuguesa.
    Beijos

     
  • Às 24 de outubro de 2010 às 21:30 , Blogger maria teresa disse...

    Por aqui nos campos da aldeia também há cardos, são lindos! Às vezes cometo um crime apanho uns tantos para colocar nas jarras.
    Abracinho

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 10:36 , Anonymous A Magia da Noite disse...

    esta é a prova que até nos mais agrestes espinhos a beleza impera.

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 14:07 , Anonymous Marieta disse...

    Querida amiga,
    Desculpa se não me fiz presente mais em teus posts, é que estou passando por um momento não muito bom, pois meu marido está adoentado e tivemos que hospitalizá-lo para tratamento.Mas graças a Deus, já superou a crise e acredito que amanhã esteja novamente de volta ao lar.
    Teus posts continuam maravilhosos, e este dos cardos, superaram. Em se tratando de uma plantinha agreste,por mim desconhecida,é de um valor inestimável, assim como todas as plantinhas que nascem aos milhares em nossas pastagens, em nossos quintais mostrando suas variadas e minúsculas flores que nos encantam.
    Bjs.

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 18:57 , Blogger sonho disse...

    Mais uma beleza...em tons de lilas;)
    Beijo d'anjo

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 19:14 , Anonymous Anónimo disse...

    Lila
    com os dias tão cinzentos que estamos a viver, só mesmo as tuas palavrinhas e os tons lilás é que nos dão algum animo.
    Beijocas

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 21:42 , Blogger Fernanda disse...

    Amiga Lila!

    Adoro a flor do cardo! Adoro mesmo!
    Então em tons de lilás, não resisto!

    Por aqui, até na parte superior do areal da praia de Moledo os há aos montes.
    De vários tons, dos mais intensos aos já secos.
    Todos lindos.
    A flor não é nada efémera, ela vive muito tempo e mesmo depois de colhida e seca guarda as suas belas cores, mais desbotadas, mas guarda.

    Esta é também a flor que me lembra "Brave Heart", um filme que adorei com Mel Gibson.

    Ah! A bebida que o Fred esperava ao balcão, bem podia ser um Gin Tónico, ou algo assim...
    Mas se há alguém que gosta dos meus licores e que é cliente, esse alguém é o Fred.
    Ele sempre que passa cá por casa, não se faz rogado, ele pede logo uma garrafa para levar :))))))

    Bjs.

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 23:12 , Blogger Mariazita disse...

    Por sugestão de um querido amigo fiz um selinho, à imagem do convite, para comemorar este evento, que coloquei em A MINHA COLECÇÃO DE SELOS
    Gostaria muito que o trouxesse para o seu blog.
    Obrigada.
    Beijinhos

     
  • Às 25 de outubro de 2010 às 23:57 , Blogger Dalva disse...

    Gosto de pensar que a fotografia é um poema visual... dos mais lindos que existem! Os cardos e Antero de Quental são um deleite para nós, seus leitores! Obrigada!

    Boa semana, bjs!

     
  • Às 26 de outubro de 2010 às 05:32 , Blogger Sônia Silvino disse...

    Oi, queriiida!
    É sempre uma delícia te visitar e encontrar coisas lindas e interessantes!
    Vim retribuir a tua amável visita que é muito preciosa para mim.
    Que a tua semana seja simplesmente maravilhosa!!!
    Beijocas, muitas!
    Sônia Silvino's Blogs
    Vários temas & um só coração!

     
  • Às 26 de outubro de 2010 às 09:41 , Blogger biodivers©idade disse...

    Mas que lindas fotos. Lilás, pois então...
    :)

     
  • Às 26 de outubro de 2010 às 17:34 , Blogger Mariazita disse...

    Obrigada, amiga.
    Oxalá consigas, de facto, estar presente. Será, para mim, um grande prazer.

    Continuação de boa semana. Beijinhos

     
  • Às 26 de outubro de 2010 às 21:24 , Blogger Graça Pereira disse...

    Até os cardos se vestiram de lilás, a tua côr preferida...só para te encantar! Belissimas as fotos!
    Beijo
    Graça

     
  • Às 26 de outubro de 2010 às 22:21 , Blogger Multiolhares disse...

    os cardos são lindos a sua flor é simplesmente maravilhosa
    Bj

     
  • Às 27 de outubro de 2010 às 01:35 , Blogger Há.dias.assim disse...

    Soube bem passar por aqui...

     
  • Às 27 de outubro de 2010 às 04:24 , Blogger Estela disse...

    Oi Lila,
    Lindas as flores dos cardos, tão lilás! Por aqui nunca os vi.
    Bjs.

     
  • Às 27 de outubro de 2010 às 13:23 , Blogger Fátima disse...

    Lindos e delicados...parecem um pom pom ,rs.
    Não conhecia ,muito interessante e informativa sua postagem,adorei.

    Beijinho.

     
  • Às 29 de outubro de 2010 às 00:16 , Blogger MZ disse...

    Pois é Lilá(s),
    o cardo serve para coalhar o queijo!

    Desde pequenina que sempre achei o cardo uma planta estranha. Só gostava dela quando lhe via os pompons lilases. Depois mais tarde, reconhec~i que era uma planta de contrastes, agreste e delicada...

    :)

     

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

 
Free Flower Cursors at www.totallyfreecursors.com