segunda-feira, janeiro 09, 2012

Em Janeiro as Janeiras...


A minha ”aldeia” é diferente da todas as outras; talvez sub-urbana, talvez semi-rural tem apenas 26 anos mas com encantos mil. É uma aldeia-de-nome, escolhido pelos seus 56 moradores. A rodeá-la tem um muro branco: uma larga porta sempre aberta a quem chega. Tem pinhal envolvente e por perto adivinha-se o mar.
Uma das rotinas na “aldeia” são as actividades culturais:encontros, ateliers, exposições, passeios pedestres,serões regionais e gastronómicos; por esta altura do ano cantam-se as Janeiras. E melhor do que conhecer as tradições é vivê-las por dentro; cumprindo a tradição os aldeões estiveram mais uma vez na rua percorrendo as duas que compõem a “aldeia”; porta a porta cantando as Janeiras ao som da concertina, do bandolim, do cavaquinho, do bombo, dos ferrinhos…tantos! As lareiras fumegavam o cheiro a sobro e azinho fazia-se sentir.
As ofertas foram enchendo os cestos; o grupo foi engrossando, um convívio de fim-de-festa acolheu os janeireiros no salão'colectivo'. A mesa posta e com a lareira acesa aguardavam pelos chouriços assados, salpicões, morcelas, doces e nozes, queijos para dar continuidade ao convívio janeireiro. Noite dentro terminou já a lua cheia pairava sobre nós..
É este projecto chamado “aldeia” concebido e partilhado por um grupo, que a sonhou e materializou, que continua a comandar-nos para sonhar mais e mais...

62 comentários:

Fragmentos Culturais disse...

... e que assim continue! Sem sonho, nada se faria!

Votos de bem estar! E um Ano 2012 com saúde, paz, afectos... e alegria.

Sensibilizada pela amizade!
Um beijo

Rosa dos Ventos disse...

Uma aldeia destas deve ser um encanto! :-))

Abraço

Elisa T. Campos disse...

Essas atividades culturais é que fazem o colorido do dia a dia,não mais como um simples sonho mas a realidade histórica do lugar que fica para sempre.

Um lindo início de semana.

Beijos

Pelos caminhos da vida. disse...

Fiquei aqui imaginando essa Aldeia e uma vontade de conhecer...

Obrigada pela sua companhia, sua amizade, seu carinho nesse ano que passou, espero que 2012 vc possa continuar comigo "Pelos Caminhos da Vida".

beijooo.

São disse...

Estupendo!

Que esse sonho prossiga , LIla!

Abraço grande.

lis disse...

Oi Lilá(s)
imagino o prazer que é viver numa aldeia onde se respira ar puro e canções das janeiras.Um nome incomum e cheio de graça!
ver sonhos e projetos se materializar nesse mundo louco que vivemos também é surpreendente!
tenho o prazer de poder folhear o book especial que tenho em maos sobre sua Aldeia-lar.
parabéns e obrigada pela boa partilha,sempre.
abraços e boa semana

* estou fora do ninho e passeando bem menos pelos blogs dos amigos,por falta também de boa conexão.
desculpa aí.
beijinhos

Li Dias disse...

Como já dizia Raul Seixas :]
“O sonho que se sonha só, é só o sonho que se sonho só. Mas o sonho que se sonha junto é realidade.”

Que linda realidade vcs constroem!
Apetecia-me mais morar em uma aldeia assim do que em uma megalópole.

bjs. continuem!!!

Mariazita disse...

Sei do que falas... (do lugar, claro...) e acho muito bom que se dê continuidade a esses nossos costumes antigos, tão bonitos e infelizmente tão pouco acarinhados.
Força, Lila! Ajuda a preservá-los!

Continuação de bom 2012.
Beijinhos

Braulio Pereira disse...

olho a lua cada noite.

está linda noite.. clara.. lua cheia de esperança que nos ilumina a alma

seja feliz sorria e Ame.


feliz semana tudo de bom .

beijos!!

Mona Lisa disse...

Uma aldeia de sonho, onde os sonhos continuarão a ser realizados...

Que seria da vida sem sonhos?!

Bjs.

Avelaneira Florida disse...

Fora de tempo aqui cheguei...
O frio está a deixar-me "congeladita" mas nada que um bom chá quente e um mantinha não resolva!!!!
Acho que estes caminhantes nocturnos também deveriam ter apreciado um chazinho no final...ou não????? Ou terá sido algo mais "substancioso"????
Beijinhos,
MC

Angella Reis disse...

Um ambiente fraternal, decerto. Aprecio essas atividades culturais. Deve ser muito bom fazer parte de algo assim.

Feliz 2012 minha querida! beijo

Angella Reis disse...

Um ambiente fraternal, decerto. Aprecio essas atividades culturais. Deve ser muito bom fazer parte de algo assim.

Feliz 2012 minha querida! beijo

Estela disse...

Lila,
Que bom fazer parte de um projeto que nos leva a sonhar...
Bons sonhos em cantigas janeiras.
Bjs.

✿ chica disse...

Que coisa linda e tomata possam continuar por muito ,muito mais tempo sonhando e fazendo sonhar. Linda tradição e costume. Vale a pena isso! Adorei! beijos,ótima semana,chica

Álvaro Lins disse...

Pelo que li, gosto desse espírito comunitário:)!
Bjo

Vanuza Pantaleão disse...

Lilá, querida, vou me mudar pra tua aldeia![risos]
Na minha aldeia também tem esse aconchego, mas eu trabalhei tanto que nem pude desfrutar do sabor da minha aldeia. Quem sabe no carnaval???[mais um sorriso]

Amiga, ainda há tempo para lhe desejar um 2012 repleto de realizações.
Deus te abençoe e um abração carinhoso!!!

Vivian disse...

Olá,Lilá(s)!

Que partilha mais rica querida!!!!Cultura é a maior riqueza!!! Que belos costumes da sua aldeia.Vemos cada vez menos esta união por aqui...
Beijos!
Tudo de bom!

Vivian disse...

Olá,Lilá(s)!

Que partilha mais rica querida!!!!Cultura é a maior riqueza!!! Que belos costumes da sua aldeia.Vemos cada vez menos esta união por aqui...
Beijos!
Tudo de bom!

Violet* disse...

Que bonito!!!! aqui tbm ainda se cantam as janeiras=)

beijinho*

Fa menor disse...

Isso sim, é a saudável convivência que enche os corações!

Bjinhs

nacasadorau disse...

Amiga Lila,
São essas tradições, assim vividas por dentro, que tanto encantam aos que vivem nas vilas onde a cultura popular, a mais genuína, a mais rica, vive e pulsa.
Parabéns por nos dar conta dos aspectos culturais da sua aldeia.

Beijinho

Sonhadora disse...

Minha querida

Que esse sonho perdure sempre...um momento de partilha é muito bom.


Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Lilazdavioleta disse...

Minha Amiga ,
que sempre assim fales dela .
E que todos os habitantes lhe chamem sua .

Dá vontade de ser tua vizinha .

Um beijo ,
Maria

Fê-blue bird disse...

Que maravilha, adorei saber que existe uma aldeia ainda cheia de sonhos.

beijinhos

mfc disse...

Gosto destas ideias genuínas e concretizadas!
Parabéns por lá estares!

Lídia Borges disse...

Tive de interromper a leitura deste texto, exatamente, para abrir a porta a um grupo de "Janeireiros". Aqui, a tradição está viva por ação de grupos folclóricos e coletividades culturais e recreativas, empenhadas em manter viva esta tradição.

Um beijo

MARILENE disse...

A preservação de costumes, o amor ao espaço com o qual temos vínculo, são importantíssimos. Sonhos para não serem jamais esquecidos.

Bjs.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Vim te agradecer a visita que fizeste ao Começar de Novo e espero ver-te por lá mais vezes. Com certeza virei visitar-te. É bom que existam essas aldeias onde se partilham actividades e se mantem as tradições. Obrigada e até breve. Um beijinho
Emília

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Vim te agradecer a visita que fizeste ao Começar de Novo e espero ver-te por lá mais vezes. Com certeza virei visitar-te. É bom que existam essas aldeias onde se partilham actividades e se mantem as tradições. Obrigada e até breve. Um beijinho
Emília

Malu disse...

Uma aldeia real e de certa forma carregada de magia... O lugar me parece adorável!!!
Abraços, amiga!

Justine disse...

Que bom haver pessoas que continuam as boas tradições da nossa gente, tenha a aldeia 26 anos ou alguns séculos.
Aqui também se cantam as Janeiras, todos os anos. É muito belo!

Mz disse...

Gostei muito de saber da tua aldeia e das tradições que por lá se manifestam visto ser uma aldeia muito jovem de idade :)
Felizmente que não é apenas na Aldeia Lar que se cantam as Janeiras:) na minha aldeia e desde que me conheço que essa tradição e ainda outras estão bem vivas.

Estão de parabéns, gostei muito de visitar a "Aldeia" e as meninas fazem coisas lindasssss!!!

Bjs

Silenciosamente ouvindo... disse...

Como eu adoraria fazer parte dessa
aldeia,desse grupo de gente pura
e boa. Não há coisa melhor na vida.
Beijinho amiga.

OutrosEncantos disse...

Feliz 2012, Lilás!

beijo.

ONG ALERTA disse...

Um exemplo a ser seguido, beijo Lisette.

nacasadorau disse...

Curiosamente ainda não me vieram cantar as Janeiras.
Estranho, pois nos anos transactos vieram uns poucos, o que também não é nada bom, especialmente agora que os bolsos estão mais vazios :)

Beijinho

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti minha amiga...beijos.

Anónimo disse...

Adorei quando aí fui, pareceu-me que estava no paraíso...
Beijoca

SOL da Esteva disse...

Lilá(s)

A nossa casa (leia-se: Aldeia) é o nosso Castelo.
E, no Castelo as normas e regras comunitárias ditam a sua Lei.
Soberbo o modo de encontrar o nome da sua casa, como de manter vivas as tradições.
Belo.

Beijos

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.com/

Canduxa disse...

mas que "aldeia" maravilhosa que apesar de jovem já tem tantas histórias para contar e cantar. Senti saudades da minha aldeia onde as Janeiras me enchia a alma e no final havia a partilha de iguarias tradicionais.

beijinhos

AvoGI disse...

lilás
acho que já tinha deixado aqui o meu testemunho, e pumf nao aparece ou desaparece.
nao importa, nós por cá cantamos os reis, no dia de reis é exactamente como as janeiras
kis .=)

elvira carvalho disse...

Também por aqui embora isto não seja uma aldeia, há quase 20 anos se cantam as Janeiras e este ano não foi diferente.
Um ano tão feliz quanto o deseje, e sobretudo com muita saúde.
Um abraço

✿ chica disse...

Lila, voltei pra agradecer o carinho que vi lá na Luconi!!! beijos,obrigado,lindo fds,chica

Hugo de Macedo disse...

O sonho comanda a vida.

Feliz 2012!

Graça Pereira disse...

Que essa aldeia-comunidade continue a sonhar e a crescer em amizade.
Aqui, num cantinho de uma rua onde moro ,tambem vieram cantar as janeiras, como aliás, acontece todos os anos e sem este ritual,parece-me sempre que falta qualquer coisa...
É assim como abrir as portas ao Ano Novo.
Beijo
Graça

Hana disse...

Deve ser um sonho amiga, nossa sempre sonhei em morar em um lugar assim, tranquilo pacato com uma vizinhaça unida, que gosotoso a gente percebe o carinho da comunidade, desta aldeia,é tudo de belo, poxa um dia quero morar num lugar assim.
Com carinho
Hana

♫ ♪ Wilson Miguel ♫ ♪ disse...

Querida amiga,

Pude sentir a alegria do seu coração e o brilho dos seus olhos através das palavras ao descrever as tradições da aldeia. Isso faz toda a diferença para aqueles que sabem valorizar a beleza de viver em comunhão com os irmãos. Desejo que esses laços sejam eternos!

Que seu final de semana seja de muita paz e alegrias!

Beijo de luz na sua alma

Deus seja contigo

Vanuza Pantaleão disse...

Muito importante manter essas tradições, não é mesmo, amiga?
As Janeiras que passam saudando Janeiro numa Aldeia festiva.
Um ótimo final de semana, Lilá, e obrigada pelo carinho da visita!Bjsss

Margarida Costa disse...

Querida Lilás, sou designer... antes do Natal publiquei umas fotos ilustradas por mim, sobre a lenda das amendoeiras do Algarve. Talvez não te recordes. Não faz mal. Beijos mil

Méon, disse...

E que pena tive de não janeirar convosco...

Que a aldeia perdure, assim tão bonita, por muitos e bons anos.

Bj

Pedrasnuas disse...

Obrigada a ambos pelo convite!!!...Quem sabe...Bjs

BlueShell disse...

Uma maravilha. aqui em Mangualde tb ainda há essa tradição.

Kiss

Braulio Pereira disse...

beijo minha doce amiga..

bom fim de semana.

Paty disse...

Olá querida Lilás...

Deve ser um sonho, imagino a sensação de realização, você é demais... quem sabe um dia eu conheço esse lindo lugar...
Um ótimo Domingo!

Beijo

maria selma disse...

Que momento lindo de união...
Belo domingo para você...
beijos

Maria disse...

Minha amiga devemos preservar os nossos costumes e tradições, eles são as nossas raízes. A sua aldeia deve ser um local muito especial!
Bom domingo
Beijinhos
Maria

Listel disse...

Minha querida Lilás,
Que encanto, que maravilha...
Tuas fotos, lindas...
Tua ternura e disponibilidade.
Bem hajas!
Votos de muitos anos a cantaar Janeiras desta maneira.
Obrigada!
Abracinho, Listel

Pelos caminhos da vida. disse...

Um belo domingo para vc amiga.

beijooo.

Pena disse...

Estimada e Valiosa Amiga:
Uma aldeia que parece o paraíso.
Numa palavra doce: Enternecedora!
Concebe nos seus posts o encanto, a pureza e a magia terna.
Parabéns.
Beijinhos amigos de respeito ao seu notável e gigantesco talento fabuloso.
Concebe sempre o encanto, ternura de maravilhar.
Desculpe o tempo ausente na Blogosfera que desejo que compreenda.
Sempre a admirá-la

pena

Excelente.
Bem-Haja, pelo seu sublime sentir.
Adorei, enorme amiga.

SONINHA disse...

Que lindo!!! Isso tudo torna a vida mais colorida, amiga!
Boa semana! Beijocas!

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Você descrevendo a aldeia, Lilá(s) e eu, sentada na Cadeirinha a imaginar: ainda existem esses lugares deliciosos, inimagináveis, nos dias de hoje!!! Que bom!!!

Quanto às Janeiras, aqui no Ceará, mesmo na capital, Fortaleza, ainda se "tira os Reis". Dias que antecedem ao dia 6 de janeiro, grupos de homens, cantando, porta a porta, noite a dentro, coletando prendas, que os "donos da Casa" ofertam, após o pedido cantado. Gosto, quando passam em minha rua.

Adorei, a matéria!
Beijos,
da Lúcia