Perfume de Jacarandá

Quem és tu. Quem és tu que assim vens pela noite adiante, Pisando o luar branco dos caminhos, Sob o rumor das folhas inspiradas? Sophia de Mello Breyner Andreson

segunda-feira, setembro 24, 2012

Momentos meus, na terra que me viu nascer!


Há apenas um lugar no mundo, que realmente me’ envolve’ e nutre em mim a sensação de regresso ao passado! Lugares que gosto e fazem parte da minha história, da minha infãncia.
Vêm então as memórias que me habitam, me acariciam e me transportam ao tempo em que as vivi. Algumas deixam-me feliz, outras saudosa.
Há memórias que tento guardar, e teimam em fugir. Fecho os olhos e recuo no tempo, neste ambiente histórico-quase lendário, vejo rostos e oiço vozes que já ali não estão.


56 Comentários:

  • Às 24 de setembro de 2012 às 20:06 , Blogger São disse...

    Acredita que fui dois anos seguidos visitar Bragança , onde nunca fora antes e onde nunca mais voltei?!

    Uma semana boa.

     
  • Às 24 de setembro de 2012 às 21:02 , Blogger Rosa dos Ventos disse...

    Conheço bem Bragança e arredores!
    Gosto desta cidade que se tem desenvolvido muito!

    Abraço

     
  • Às 24 de setembro de 2012 às 21:46 , Blogger Mona Lisa disse...

    Uma cidade que adorava conhecer.

    Fascinam-me os castelos...e tudo o que os envolve...e escondem...

    Magnífica foto, com um enquadramento soberbo!

    Beijos.

     
  • Às 24 de setembro de 2012 às 22:24 , Blogger Flor de Jasmim disse...

    Excelente foto querida!
    Bragança é linda!
    As memórias serão guardadas com carinho, outras aumentam a saudade.
    Lindo mina querida amiga.

    estou um pouco afastada por passar muita hora no hospital a fazer companhia à minha mãe que foi vitima de um AVC muito profundo.

    Beijinho e uma flor

     
  • Às 24 de setembro de 2012 às 23:10 , Blogger Justine disse...

    As memórias são o nosso mundo interior, as nossas âncoras!´São belas, as tuas raízes...

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 00:16 , Blogger Elisa T. Campos disse...

    Lilá(s)

    É sempre bom voltar ao tempo. As lembranças que enchem a alma de serenidade e carinho.

    Beijos.

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 00:28 , Blogger ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

    Querida amiga

    Há lugares
    que a nossa alma
    criou raízes
    e sé em citá-los
    o coração
    pulsa
    de uma alegria
    ao mesmo tempo
    intensa e simples...


    Que haja sempre um sonho
    a te habitar o entardecer do dia.

    Aluísio Cavalcante Jr.

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 11:39 , Blogger Lídia Borges disse...


    É uma terra cheia de uma identidade muito própria. Não sou de lá, mas sinto-me lá "em casa" e nem sei dizer porquê.

    Um beijo

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 12:07 , Blogger BRECHÓ DO SUL . PODE SER !!! disse...

    BOM DIA !!

    VENHO POR MEIO DESTA LHE CONVIDAR A CONHECER MINHA PAGINA , http://brechodosul.com.br, SERÁ UMA HONRA TER VOCÊ COMO SEGUIDORA E LINKARMOS SE VOCÊ QUISER , ESTA DE PARABÉNS LINDA PAGINA , DESCULPA A LETRA GRANDE MAIS SOU DEFICIENTE OK!!
    SE QUISER VOTAR NO G+1 E NO TOP BLOG 2012 NO MEU BLOG AGRADEÇO

    OBRIGADA

    MARCIA REGINA

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 18:01 , Blogger Jardineiro do Rei disse...

    A nossa terra é sempre a nossa terra. É ali que estão as nossas raizes. Um pedaço de chão que nos acolhe e conforta. Uma Mãe, que nos envolve num suave abraço. Desde a brisa pequenina que nos toca o rosto, até aquela velha árvore esgalhada que chegou a ver os nossos momentos de amor. É o chamamento telúrico da nossa Terra-Mãe...

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 18:35 , Blogger Agulheta disse...

    Conheço Bragança e já lá passei a nevar, é muito lindo.Sempre sentimos saudades dos lugares que nos disseram alguma coisa.
    Beijinho

     
  • Às 25 de setembro de 2012 às 20:00 , Blogger Dalva disse...

    Estes lugares, tão especiais, reforçam minha certeza de que não perdemos nada... sempre estarão conosco as amizades que tivemos, os amores que vivemos, todos os dias em que fomos felizes...

    Bjs.

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 00:03 , Blogger ✿ chica disse...

    Que maravilha isso.Esses lugares ficam registrados, marcadinhos ,não? Lindo!! beijos,tudo de bom,chica

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 01:52 , Blogger Marisete Zanon disse...

    QUE BOM TER UM BOM PASSADO PARA RELEMBRAR.
    UM ABRAÇO!

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 02:04 , Blogger vieira calado disse...

    É claro que a nossa infância deixa sempre essas marcas inesquecíveis!

    Bjssss

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 12:50 , Blogger Graça Pereira disse...

    Estive aí agora nas minhas férias...Trás os Montes guarda as raízes dos meus pais e marido e oiço as histórias que eles contavam mas...não tenho a felicidade de voltar à minha terra e rever os sítios que me dizem tanto e não sei se alguma vez voltarei... enquanto a memória estiver viva, ela me trará todas essas emoções.
    Beijo
    Graça

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 13:28 , Blogger Anne Lieri disse...

    Que lugar bonito,aconchegante!É Tras os montes?Minha avó materna nasceu aí tb!Adorei Lilás o seu saudoso texto e quanto ao meu blog pode pegar as imagens que gostar!São todas do Google.bjs,

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 14:43 , Blogger Fê-blue bird disse...

    Acho que só fui a Bragança uma vez, mas compreendo essa sensação, acontece-me o mesmo quando vou ao local onde nasci.
    É um sentimento doce e ao mesmo tempo doloroso.

    beijinhos amiga

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 15:53 , Blogger Pérola disse...

    Esse regresso ao passado, a casa é tão reconfortante.

    Beijinho

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 19:20 , Blogger Vento disse...

    ha vozes que perduram na nossa memória
    por vezes adormecem, só adormecem
    as memórias de criança não morrem
    quando regressamos às origens, volta tudo de novo.
    o nosso berço é sempre único, mesmo com lembranças tristes
    é uma saudade que se estamos longe morrerá um dia connosco :))

    beijo, Lilá(s)

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 22:44 , Blogger greentea disse...

    as vozes, os sons , os cheiros de algumas pessoas ...quantas vezes nos invadem , perduram e não nos querem deixar

     
  • Às 26 de setembro de 2012 às 23:13 , Blogger Everson Russo disse...

    Sempre gostoso guardar essas memórias de infancia....beijos amiga e uma bela noite pra ti...

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 02:14 , Blogger CamilaSB disse...

    A nossa terra é sempre a nossa terra,
    seja ela grande ou pequena,
    cidade ou aldeia
    é nela que estão as nossas raízes
    as recordações, as vozes e os sorrisos nostálgicos que habitam os nossos corações!
    Muito bonito o texto e também a imagem Lilás, gostei muito!
    Um beijinho e um abraço com carinho e amizade :)

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 02:41 , Blogger Sônia Silvino (Crazy about Blogs) disse...

    Relato emocionante, amiga!
    Recordar coisas boas é ser feliz duas vezes!
    Beijos meus!

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 04:47 , Blogger Suzane Weck disse...

    A foto está linda e o texto também nos induz a recordar os momentos bons e felizes de nossas vidas.Adorei Linus,é uma fofura.Meu abraço.SU.

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 06:36 , Blogger Estela disse...

    Linda é a terra que nos embalou e abrigou os nossos sonhos de criança...
    Bjs.

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 21:26 , Blogger tulipa disse...

    DIVINAL

    poder regressar ao lugar onde nascemos!

    Não sabia que era de Bragança
    ...
    é daquelas cidades que está na minha lista para visitar
    gosto de vários cantinhos deste Portugal
    ...
    MINHO
    vou para lá
    em Outubro
    uns dias...
    ...

    As nossas raízes são as âncoras
    que nos vão apoiando
    e é disso que eu
    sinto falta
    das minhas âncoras!!!
    Por isso
    me sinto tão "perdida"!

    Beijinho.

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 22:31 , Blogger Mz disse...

    São "lugares" que dão mais vida às memórias.
    Estivemos mesmo em sintonia nos pensamentos!

    Bjs**

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 22:46 , Blogger MARILENE disse...

    Quando permitimos que nossas memórias se manifestem, conseguimos ir aos lugares que mais prazer nos trouxeram na vida. E revivemos o prazer de ter estado lá. Bjs.

     
  • Às 27 de setembro de 2012 às 23:42 , Blogger Everson Russo disse...

    Uma noite repleta de paz e poesias pra ti minha amiga e uma bela sexta feira...beijos e flores...

     
  • Às 28 de setembro de 2012 às 00:41 , Blogger Ailime disse...

    Boa noite amiga,
    Recordar a infância e o local onde nascemos ouvindo aquelas vozes que já não estão é como que um bálsamo que nos acompanhará a vida inteira!
    Bragança uma cidade que conheci há poucos anos e que adorei!
    Pretendo voltar.
    Muito grata pela sua visita ao meu cantinho.
    Beijinhos.

     
  • Às 28 de setembro de 2012 às 06:52 , Blogger BlueShell disse...

    Sei como é esse sentir...sei!
    Um beijo de luz em azul
    BlueShell

     
  • Às 28 de setembro de 2012 às 12:33 , Blogger Vivian Fernandes de Goes disse...

    Olá,Lilá(s)!!!

    És tão poética minha amiga!!Existem lugares que tem este poder...nos transportam no tempo!!É bom de sentir,né?!
    Linda a foto!
    Beijos e meu carinho!

     
  • Às 28 de setembro de 2012 às 19:50 , Blogger Loivarice disse...

    Boa tarde Lilás passando para ler seu blog e desejar uma semana iluminada, bjs

     
  • Às 29 de setembro de 2012 às 10:24 , Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

    É bom ter um sítio onde se nasceu e
    viveu e depois ter outro onde se
    reside?!!! Não sei. Eu vivo onde
    nasci, e às vezes quando as pessoas
    dizem vou à terra(por exemplo na
    Páscoa) eu fico a pensar...eu não
    posso ir, já cá estou "sempre".
    Um beijinho e bom fim de semana.
    Irene Alves

     
  • Às 29 de setembro de 2012 às 13:53 , Blogger Lucia Costa Siqueira disse...

    Oi
    Querida

    Retribuido sua cordial e carinhosa vst
    Obrigado por suas vsts,muito importantes para mim,amo

    Sim sempre é bom vstr nossa terra de origem,nos trazem boas recordações,ou não,saudades sempre
    Abraço carinhoso,bom final de semana
    Bjosss

     
  • Às 29 de setembro de 2012 às 14:13 , Blogger Magia da Inês disse...

    .•°♫♪♪

    São lembranças...
    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil
    彡♪♫°¸.•♫°`

     
  • Às 29 de setembro de 2012 às 16:23 , Blogger Luna disse...

    e bom sentir e saber onde se encontram as nossas raizes
    beijinhos

     
  • Às 30 de setembro de 2012 às 03:11 , Blogger Evanir disse...

    Fico feliz em perceber que certas pessoas,
    como nós, têm a capacidade de reconstruir para recomeçar.
    Isso é sinal de garra e de luta, é saber viver, é tirar o
    melhor de todos os passageiros.
    Agradeço a Deus por você fazer parte da minha viagem,
    e por mais que nossos assentos não estejam lado a lado,
    com certeza,o vagão é o mesmo.
    Com saudades desejo um feliz Domingo,
    beijos na sua alma carinhosamente,Evanir.
    A Viagem..

     
  • Às 30 de setembro de 2012 às 11:05 , Anonymous Anónimo disse...

    Lila
    Afinal tenho razão em te chamar "princesa" eu sabia que notava em ti um sinal...essa foto diz tudo!
    Beijoca princesa linda

     
  • Às 30 de setembro de 2012 às 23:10 , Blogger LUZ disse...

    O lugar que nos viu nascer, o nosso berço, é sempre carismático e muito especial para nós.

    Boa semana.
    Beijos da Luz.

     
  • Às 1 de outubro de 2012 às 01:36 , Blogger Sonhadora (RosaMaria) disse...

    Minha querida

    As nossas raízes são a essência do que somos, embora mudem mas dentro de nós ficaram gravadas para sempre.


    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

     
  • Às 1 de outubro de 2012 às 15:04 , Blogger Lilazdavioleta disse...

    Ter esse sentir aquece e dá bem estar .
    Sente-se , na foto , em ti e no que te rodeia , essa paz .
    Que se perlongue .

    Um beijo , Lila ,
    Maria

     
  • Às 1 de outubro de 2012 às 22:15 , Blogger Armindo C. Alves disse...


    Agradecendo mais uma vez os seus conselhos e experiência, não quero deixar de lhe contar um simples mas importante momento de férias.

    Novamente adoptados.

    Quando nada o fazia prever, durante uma das caminhadas matinais, no sossego da Beira Baixa, lá estava ele ao fim da descida.
    Pequeno, magro e esfomeado,deixou-se acariciar. O irmão então escondido, resolveu mostrar-se e solicitar igual tratamento.
    Ainda não refeitos do luto anterior, prometemos trazer-lhes comida e tudo ficaria por ali. A boa acção seria concretizada e a consciência tranquilizada.. Cada qual iria à sua vida.
    -Adeus amigos,...e pronto.
    Eis que os dois gatitos resolveram fazer parte na caminhada e durante cerca de um quilómetro nos seguiram até casa.
    Aventura e experiência nova, para a minha neta Madalena, que já sintonizada na defesa dos direitos dos animais, se divertia e acompanhava as brincadeiras e traquinices dos novos elementos do grupo.
    Acreditem, os "Amarelos", mais tarde "Tico" e "Teco", como ela escolheu, desde o primeiro momento foram aceites na família, a avaliar pela expressão de todos.

    Dois meses depois, estão gordinhos, crescidos e felizes.

    A "Chinha" mantém o seu "espaço".
    ***************************

    É bom regressar aos locais do passado e sem o esquecer, viver coisas do presente, mesmo que esse lugar nos tenha visto nascer.

    Grande abraço.

     
  • Às 1 de outubro de 2012 às 22:50 , Blogger Nilson Barcelli disse...

    As raizes existem mesmo...
    Tem uma óptima semana.
    Beijo.

     
  • Às 2 de outubro de 2012 às 17:23 , Anonymous Anónimo disse...

    Olá amigos!
    Eu não consigo mais visitar os blogs que tem o player de músicas do site "scmplayer.net".
    O meu antivírus bloqueia e avisa que se trata de um Malware.
    Talvez isso não esteja acontecendo só comigo, provavelmente outros visitantes não estão conseguindo acessar seu blog pelo mesmo motivo.
    Bom, fica o alerta!
    bjs

     
  • Às 2 de outubro de 2012 às 17:48 , Blogger Lúcia Bezerra de Paiva disse...

    É exatamente assim, que sinto, na minha terra natal. Fui morar em outra terra, por 25 anos mas, não conseguia passar mais de 3 anos, sem lá retornar,de férias, para me refazer.
    Há 15 anos, voltei de vez, e aqui pretendo ficar,vivendo o presente e o passado(na memória)...

    Parabéns,Lilá(s), pelo grande amor, à terra que te viu nascer...
    Um beijo,
    da Lúcia

     
  • Às 2 de outubro de 2012 às 18:19 , Blogger SOL da Esteva disse...

    Sentir assim é reconfortante. Todos desejamos "rever" as nossas raízes; muitas vezes "vemo-las" e "ouvimo-las" tão esbatidas que nos parecem distantes.
    É bom sentir essa alegria que nos invade a Alma.


    Beijos


    SOL

     
  • Às 2 de outubro de 2012 às 20:17 , Blogger Vanuza Pantaleão disse...

    Ah, Lilá querida, você me emocionou muito agora!
    Sonho também, dia e noite, em rever meu torrãozinho natal. Quando? Quando? Teimo em me perguntar...
    Amei essa foto! Amo tudo o que fazes aqui com tanta sutileza e zelo.
    Beijinhos!!!!

     
  • Às 3 de outubro de 2012 às 02:11 , Blogger ONG ALERTA disse...

    Deve ser um lugar maravilhoso, beijo Lisette.

     
  • Às 3 de outubro de 2012 às 19:33 , Blogger Sonhadora (RosaMaria) disse...

    Minha querida

    Passando para agradecer a visita e deixar um beijinho com carinho.

    Sonhadora

     
  • Às 4 de outubro de 2012 às 06:41 , Blogger BlueShell disse...

    Sei como é esse sentir...e tenho tanta pena...
    O Tempo passa e deixa em nós essa dor...do que Foi e jamais voltará a ser!

    Um beijo

     
  • Às 4 de outubro de 2012 às 17:07 , Blogger Dalma disse...

    PERFUME DE JACARANDÁ, que surpresa ao sabe-la minha conterrânea!

     
  • Às 5 de outubro de 2012 às 23:04 , Blogger AC disse...

    Lila,
    Há memórias das quais não podemos prescindir, elas fazem parte da combustão inicial.
    (Bragança, não é?)

    Beijo :)

     
  • Às 18 de outubro de 2012 às 02:37 , Blogger Fragmentos Culturais disse...

    Estão sim! Se mergulhares em ti, os rostos continuam tão nítidos, as vozes distintas... as memórias são mesmo isso. E tu sabes! Até porque afirmas que as memórias te acariciam.

    Uma viagem muito bonita.

    Agradeço a amizade em 'fragmentos'!
    Um beijo

     
  • Às 2 de maio de 2013 às 04:18 , Anonymous Anónimo disse...

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

 
Free Flower Cursors at www.totallyfreecursors.com