domingo, outubro 21, 2012

Visita inesperada!


Por uma fração de segundos, abriu as asas para me chamar  a atenção.
Chegou ao final da manhã: mostrou  suas cores, em perfeita simetria  de tons de outono!  Combinava na perfeição com a mancha verde envolvente.
Um momento de emoção guardado rápido ‘clique’… algo passageiro que transformei em  eterno...



 “Eterno é tudo aquilo que dura uma fracção de segundos, mas com tamanha intensidade que se petrifica e nenhuma força consegue destruir.”

 C. Drummond de Andrade

57 comentários:

✿ chica disse...

Ela fez pose pra ti! Lindo momento!! beijos,tudo de bom,chica

OutrosEncantos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vento disse...

shiu!!!... rsss ;)
fui eu que apaguei o comentário anterior...
é que troquei as mãos, lolll.... ;)

tão linda a tua mariposa!
como consegues tu estar sempre no local certo e sempre pronta para disparar no momento certo?!...
é incrivel...
adorei, a natureza é perfeita!

beijo.

Mona Lisa disse...

Um momento único e eterno!

Uma forma terna e suave do Outono te visitar!

Beijos.

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Que visita tão linda, num oportuno momento do registro perfeito, e eterno. Você é mágica, Lilá(s), que nem Drummond, na sua eterna poesia...

Bom domingo, beijos, da Lúcia.

maria teresa disse...

Como é linda esta foto!Um momento único!
Abracinho meu

Pitanga Doce disse...

E não é que a borboleta se vestiu mesmo a condizer com a estação?

Bom domingo com cheiro à manacá.

CamomilaRosaeAlecrim disse...

Que lindo...quanta paz! Adorei!
Beijos e te desejo um ótimo domingo!
CamomilaRosa

Rosa dos Ventos disse...

Que belo instantâneo... eterno!

Abraço

Magia da Inês disse...

º°♪♫♫
É uma preciosidade imagens como essas.
Bom domingo!
Boa semana!
Beijinhos. °º♪
Brasil ♫♫♫

O Profeta disse...

Sopram ventos de melancolia
Transparente é o cinza que a tua alma encerra

A minha pobreza é a falta de um par de asas
Encontrei um lugar de reinvenção das sombras
Pensei virar as costas ao tempo e ao deslumbramento
E aí houve estranhamente o amanhecer das minhas palavras

E passei para te deixar


Um mágico beijo

Ailime disse...

Lindo instantâneo! E é nestes momentos que sentimos a vida pulsar.
Bom domingo. Ailime

Agulheta disse...

Tudo na natureza é um sem fim de beleza,a flor e abelha que nada fazem uma sem a outra,aqui está a entreajuda.Beijinho e boa semana

Mirna disse...

Como é belo eo que é a natureza sábia. Borboletas buscar o pólen, as abelhas se alimentam das flores para criar mel. Homens e mulheres também são atraídas por perfumes. Uma mulher sempre em busca de um perfume sedutor que atrai os homens. É uma forma de sedução, o perfume.

Smareis disse...

Olá queridona,
Depois de um tempinho ausente aqui estou pra matar a saudades...
Maravilhosa postagem!
Lindo momento, uma bela visita.

Deixo um grande abraço, com desejo de uma ótima semana!
Beijos!

LUZ disse...

Olá,

São estas pequenas, simples coisas, que fazem com que a eternidade exista.
Lindas as suas palavras e a imagem junta, tal como as adequadíssimas e verdadeiras de Drummond.

Boa semana.
Beijos da Luz.

PS: é fácil aceder ao outro meu blog. No lado direito do "Afetos e Cumplicidades" está lá o link do "Luzes e Luares" e vice-versa.

LUZ disse...

Olá Lila,

Pronto. Já sei o seu nome. Percorri o seu blogue e fui encontrá-lo onde refere o Facebook.

Beijo.
Luz.

MARILENE disse...

Esses momentos que eterniza são lindos! Está sempre atenta às surpresas que a natureza lhe mostra. Bjs.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Linda a borboleta e para completar a sua beleza nada melhor que a bela mensagem de Carlos Drummond. Há que aproveitar os maravilhosos instantes; eles passam numa fracção de segundos. Um beijinho e parabéns pela bela foto.
Uma boa semana
Emília

Pérola disse...

E o eterno pode ser uma fração de segundos.

Gosto muito!
Ofereço o prémio Dardo. Sente-te à vontade para o recusars.

beijinho

SOL da Esteva disse...

Uns, dirão ser um acaso. Outros, um achado e ainda outros, uma oportunidade única.
Por mim, Amiga, direi que é no teu saber olhar o que nos perpassa pelos olhos.
Bem hajas por veres a beleza.


Beijos


SOL

Lídia Borges disse...


Belo "click"!

Eterno o momento pela intensidade e pelo registo poético.

Um beijo

AC disse...

Um olhar sensível, um clique, e a poesia do momento fica para a posteridade...
Andas inspirada!

Beijo :)

Nilson Barcelli disse...

Conseguiste uma boa foto.
Parabéns, querida amiga.
Lila, tem uma boa semana.
Beijo.

São disse...

E que sorte ter a máquina à mão!

Um abraço com votos de boa semana

Zilani Célia disse...

OI LILÁ(S)!
UM "CLIC", NO MOMENTO CERTO, UMA FRAÇÃO DE SEGUNDO NA QUAL CAPTASTES ESTA LINDA IMAGEM...
ABRÇS

zilanicelia.blogspot.com.br/


Click AQUI

Zilani Célia disse...

OI LILÁ(S)!
UM "CLIC", NO MOMENTO CERTO, UMA FRAÇÃO DE SEGUNDO NA QUAL CAPTASTES ESTA LINDA IMAGEM...
ABRÇS

zilanicelia.blogspot.com.br/


Click AQUI

Roseli disse...

Tudo se transforma em poesia, nestas palavras descritas por ti. Bela imagem, grande mensagem.
Amiguinha tem selinho para ti lá no meu blog e é com orgulho que repasso à ti, passe lá. Tenha um dia abençoado e beijinhos carinhosos para ti.

Um brasileiro disse...

OI. ESTIVE AQUI DANDO UMA ESPIADA. MUITO LINDO. APAREÇA POR LA. ABRAÇOS.

Anne Lieri disse...

Lilas,que bonita essa msg,amiga!Adorei a imagem tb!bjs e meu carinho,

elvira carvalho disse...

A isso eu chamo sorte. É difícil conseguir uma foto dessas. Mas ficou linda .
Um abraço

Silenciosamente ouvindo... disse...

Uma grande sorte captar esse
momento maravilhoso.
Beijinhos
Irene Alves

Lilazdavioleta disse...

Não é sorte , é a natureza a agradecer .

Gosto da foto e das palavras sobre o eterno .

Um beijo , Lila .

Maria Rodrigues disse...

A fotografia grava para a eternidade o momento, este ficou brilhantemente guardado.
Beijinhos
Maria

Everson Russo disse...

Uma visita que traz cor...traz paz,,,linda...beijos e uma bela noite pra ti amiga...

greentea disse...

tons de outono... o espanto é as borboletas ainda andarem por aí ...

Viviana disse...

Olá, Lilá(s)

Tão bonito!

Antes de ler, quando olhei a foto sorri...e sabe porquê?
Porque hoje de manhã, no jardim da casa da aldeia a minha irmã chamou me a atenção para duas borboletas iguais a esta que andavam a rodopiar uma sobre a outra, no ar. Daí a pouco veio uma delas e pousou sobre uma rama verdinha de uma planta ali ao pé.Estava tão bonita, pousada, quietinha, que eu lamentei imenso não ter comigo a máquina fotográfica.
Sabe que era igualzinha a esta?

Parabéns, amiga por essa sensibilidade para o belo; para "as coisinhas" simples da vida...que afinal nos dão alegria e felicidade.
Um beijo
Viviana

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Que linda borboleta Lilás!
Super graciosas são as borboletas, elas beijam cada flor com tanta doçura que nos encanta sempre.
Aqui em nosso quintal estamos fazendo um pequeno roseiral e te tantas outras flores também, então o passeio das borboletas estão começando por aqui também.
Amei a foto e o texto...beijinhos no coração.

Mz disse...

Que sortuda que és Lilás! Uma borboleta de Outono vestida à maneira. Tiveste sorte por ela poisar no verde ainda viçoso, pois se fosse em folhas de plátano que já estão castanhas ela ficava completamente camuflada.

Beijo com amizade.

LUCONI disse...

Como vai Lilás? estou retornando depois de ter me afastado, olha só que lindo, ela pousou para você, sabe o quanto amas a natureza, linda postagem, beijos Luconi

Estela disse...

Só um olhar atento e um coração sensível é capaz de encontrar belezas e transformá-las em poesia.
Bjs.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

São momentos que acontecem uma vez, mas que ficam eternizados numa imagem.
Lindo sempre os teus momentos únicos.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Anónimo disse...

gostei. ela tem pintas.
tu tens pinta pra isto.
TNh

Vivian Fernandes de Goes disse...

Olá,Lilá(s)!!

Que visita linda!!!!Um momento captado pelas lentes, que bom!
Beijos,querida!

Malu disse...

Pois esta fração de segundo nos vale mesmo uma eternidade!!!
Tão belas as borboletas... Lindo.
Um grande abraço!!!

piedadevieira disse...

Que momento lindo, amiga!
bjs

Justine disse...

O Drummond de Andrade tinha toda a razão!

Isa Lisboa disse...

E há de facto, imagens que são eternas!

beijos

✿ chica disse...

Voltei pra agradecer e deixar um beijo,chica

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

E que a simplicidade
das coisas eternas,
continue a cruzar
ou voar
em teus caminhos.

Para cada dia,
um novo sonho...

Everson Russo disse...

Um belo sábado pra ti minha amiga,,,muitas flores e poesias...beijos e beijos...

Maria Rodrigues disse...

Passei para desejar um excelente fim de semana e deixar um beijinho.
Maria

Armindo C. Alves disse...

Eterno é o que vivemos, o que nos marca , como eterno é o que registamos, como essa pequena "Malhadinha". Fica também o registo de um cenário real e imaginário, a leitura individual e um sem fim de registos.

Feliz semana.
Beijos.

Os "amarelos" continuam bem, felizes e em saúde.

Elisa T. Campos disse...

Maravilhosos texto e foto.
A semana passada também consegui capturar uma borboleta quase semelhante a essa pousando na flor.

Um lindo dia para você.
Bjs.

Fa menor disse...

Linda!

Tenho-me esforçado para captar uma pose dessas e ainda não consegui.

Bjinhs

Pedrasnuas disse...

Gostei da visita inesperada e da força da frase!!!:)

Sônia Silvino (Crazy about Blogs) disse...

Amo borboletas! São lindas demais!
Beijooooo!