terça-feira, janeiro 20, 2009

"Um perfume especial"

Do jacarandá

Do jacarandá, as flores
São como estrelas fulgentes
Cintilam em seus amores
Por sentires confidentes.

Do jacarandá, o lilás
É cor do sonho sonhado
Luz intensa mas fugaz
De quem se sente amado.

Do jacarandá, a doçura
Que o diga o beija-flor
Essa ave que é ternura
Mensageiro do amor.

Do jacarandá, o perfume
Que embriaga os sentidos
Amor que arde sem lume
No peito dos entes queridos.


Victor Reis

2 comentários:

Victor disse...

Querida Lilás
O perfume e a cor do jacarandá confundem-se com a sublime luz que emana da tua imagem.
Beijinhos.

Anónimo disse...

Bem escolhido!