terça-feira, abril 07, 2009

abri esta janela...

Não basta abrir a janela
Para ver os campos e o rio.
Não é bastante não ser cego
Para ver as árvores e as flores.
É preciso também não ter filosofia nenhuma.
Com filosofia não há árvores: há idéias apenas.
Há só cada um de nós, como uma cave.
Há só uma janela fechada, e todo o mundo lá fora;
E um sonho do que se poderia ver se a janela se abrisse,
Que nunca é o que se vê quando se abre a janela.

Alberto Caeiro


WITCHYS WIKKED GRAPHIX

WITCHYS WIKKED GRAPHIX

7 comentários:

MagyMay disse...

E aqui há uma janela aberta aos encantos
...aqui... encanto-me

Beijo em mil tons de lilás

poetaeusou . . . disse...

*
Dizes-me: tu és mais alguma cousa Que uma pedra ou uma planta.
Dizes-me: sentes, pensas e sabes
Que pensas e sentes.
Então as pedras escrevem versos?
Então as plantas têm idéias sobre o mundo ?
,
in-alberto caeiro
,
ventos de paz, deixo,
,
*

Anónimo disse...

Com esta janela aberta, vejo todo o teu encanto.
beijo

Menina do Rio disse...

Lindo!
Deixo a janela aberta, escancarada e a visão é indescritível!
Adorei te conhecer e quero que saibas que não só a janela, mas a porta também está aberta aos amigos e a todos os que vierem por bem.
Seja bem vinda!
Beijos

Isamar disse...

Vim abrir esta janela e fiquei deliciada. Mais uma vez!
Tem um boa Páscoa, amiga, cheia de docinhos, alegria e saúde.

Mil beijinhos

Bem-hajas!

Victor disse...

Querida Lilás

Uma janela aberta...
Quanta beleza pode ser observada, sentida, pelo teu olhar sensível...
Seria bem melhor o mundo se todo o ser humano tivesse a tua capacidade de vivenciar o belo.
Beijinhos.

Milu disse...

Tanta coisa que pode ser dita com tão poucas palavras...
Um beijinho