sexta-feira, maio 15, 2009

Saber ver

É sentir o que se olha,
é olhar de perto aquilo que parece despercebido... uma flor
uma flor de pétalas frágeis que a brisa agita... obra de arte verdadeira !
olhar para ela em momento especial, descobrir o seu encanto, um carinho, poesia.



O essencial é saber ver
Saber ver sem estar a pensar,
Saber ver quando se vê,
E nem pensar quando se vê
Nem ver quando se pensa.

(Alberto Caeiro)

10 comentários:

GatosMania disse...

Olá Lilás

Obrigada pela visita ao meu blog.
Também gostei do seu,... bonito e repousante

Irei voltar

Um abraço

Vicktor disse...

Querida Lilás

Saber ver...

Vim das terras do longe
Visitar o teu jardim
Encontrei tanta magia
Que fiquei tempos sem fim
A sentir doce acalmia.

Do fundo do meu sentir
Nómada do pensamento
Sou romeiro e também monge
Aqui encontro alento
Vim das terras do longe.
Vi e senti por aqui uma bonita homenagem. Parabéns a ti e a(o) homenageada(o).

Beijinhos.

Isa disse...

Querida Lilás,gostei de te receber.
Mas tb.gosto sempre de te visitar.
Bom fim de semana.
Beijo.
isa.

Pena disse...

Simpática Amiga:
Um poema notável de Alberto Caeiro, fruto da sua magia sonhadora e doce.
Sim! Torna-se necessário "sentir" as coisas. Amá-las quando pensamos nelas com dedicação e amor.
Um soberbo poema que fascina e encanta.
Maravilhoso. De sua escolha.
Adorei com sinceridade.
Beijinhos amigos de estima perante a sua simpatia gigante e admirável.
Com respeito e sempre a lê-la atentamente pelo brilhantismo pessoal inequívoco e manifesto. Sensível da sua pureza e beleza.
OBRIGADO pela sua sincera amizade.

pena

Bem-Haja, doce e terna amiguinha!

MagyMay disse...

Passei só para dizer que:
"Gosto de ti desde aqui até à Lua
Gosto de ti desde a Lua até aqui
Gosto de ti simplesmente porque gosto..."
(André Sardet)
Há coisas que recebemos na altura certa e porquê não sei (ou sei...) foi o caso do teu comentáro de hoje no meu blogue...soube mesmo bem...agradecida!

Beijinho no coração

Pico minha ilha disse...

Um abraço com carinho.Estou com pouco tempo mas tudo voltará ao normal.Beijinhos

Sara disse...

Olá amiga, também sou fã de Alberto Caeiro para mim o melhor heterónimo de Fernando Pessoa Beijos, Sara Louro (da Arca)

Milu disse...

É bom quando se vê, como eu pude ver, o quanto você, Lilás, sabe ser amiga! Obrigada, por se ir lembrando de mim. É bonito tudo aquilo que podemos fazer e demonstrar por aqui!
Um beijo.

des-encantos disse...

por cá para ver os Lilasessssssssssssssssss

candida disse...

Amiga Lilás
É com simpatia que visito com frequencia este espaço pois neste fim do mundo... até serve de distração... bjs