Perfume de Jacarandá

Quem és tu. Quem és tu que assim vens pela noite adiante, Pisando o luar branco dos caminhos, Sob o rumor das folhas inspiradas? Sophia de Mello Breyner Andreson

sábado, abril 02, 2011

O jardim do “Kafka”

O jardim é como o “Kafka” hibernado, que lentamente desperta ao som da passarada, dos aromas e sobretudo do calor.


Debaixo da terra bolbos adormecidos continuam com as raízes activas; cada dia a ponta de uma folha vai saindo; vejo um botão de rosa, e tento adivinhar qual a cor da flor, a textura das folhas.
Este espaço de terra, é a prova da corrente de vida que se encontra abaixo da superfície. Vai-se sentindo a Primavera. Cresce a vontade de continuar em frente e viver com mais prazer um dia de cada vez...


(retocar a pintura do K na carapaça do Kafka é urgente, maneira segura de o descobrir no jardim).

53 Comentários:

  • Às 2 de abril de 2011 às 13:24 , Blogger Cata- Vento disse...

    Kafka desperta para a vida com a chegada dos aromas e dos múltiplos sons primaveris. No seu jardim,cheio de cor, convém avivar-lhe o K não vá ele ficar desaparecido por muito tempo. Já tive um, em miúda, num quintal enorme e não sossegava enquanto não o localizava.
    Bom amigo!

    Beijinhos

    Bem-hajas!

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 13:24 , Blogger Cata- Vento disse...

    Kafka desperta para a vida com a chegada dos aromas e dos múltiplos sons primaveris. No seu jardim,cheio de cor, convém avivar-lhe o K não vá ele ficar desaparecido por muito tempo. Já tive um, em miúda, num quintal enorme e não sossegava enquanto não o localizava.
    Bom amigo!

    Beijinhos

    Bem-hajas!

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 15:41 , Blogger Mariz disse...

    Lindas imagens, é a primavera com suas cores e aromas perfumando e trazendo à vida todo seu esplendor.

    Ah!... Kafka não para, tb com tantas belezas o envolvendo.

    mil beijos e ótimo fds, com muito colorido!

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 16:24 , Blogger AVOGI disse...

    também gosto de ver o desabrochar da flores é sempre um momento de alegria vê-las ali a despontar do sitio onde estavam escondidas. e sabes até as ervas eu deixo
    kis BFSEMANA

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 17:15 , Blogger Fragmentos Culturais disse...

    ... tens razão! Teu Kafka está atento! Apesar de hibernado ele pressente que a Natureza começa a despertar e segue-lhe os reflexos!

    A 2ª foto está linda!

    Bom fim-de-semana!
    Um beijo
    (já havia esquecido teu Kafka. Nada como a Primavera para nos fazer 'sair de novo')

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 18:11 , Blogger Perola disse...

    Primavera é a estação da beleza.
    Lindo!!!
    Beijos minha flor.

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 18:18 , Blogger Manuela disse...

    Querida Lilá(s), eu tenho um Ghandi, tu tens um Kafka... ;)
    Beijinhos e bom fim de semana :)

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 18:53 , Blogger Maria disse...

    Querida amiga como eu gostaria de ter um jardim e na Primavera poder ver bem pertinho de mim o renascer da natureza com toda a sua magia, cor e beleza.
    Tenha um maravilhoso fim de semana
    Beijinhos
    Maria

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 20:23 , Blogger Multiolhares disse...

    A primavera faz despertar a vida que se encontrava letárgica
    bjs

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 20:51 , Blogger Lis disse...

    Ah que delícia ver de novo o Kafka - grande filósofo esse Kafka! com esse X brilhando e ele ainda se esconde!
    O jardim vem surgindo ,pra alegria da passarada e de todos os habitantes do lugar.
    Obrigada pelo olhar bonito.
    Hoje voce não viu as fotos novas da Pitty - não fez nenhum elogio a belezura dela ... rsrs
    espero nessa sua Primavra ver a Tita. onde andará?já extraviou-se? rs
    beijinho Lilá(s)

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 21:43 , Blogger Paty disse...

    A primavera é mágica!!!!

    bjs

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 23:12 , Blogger ✿ chica disse...

    Lindo Kafka...Tenho aqui em casa uma assim. Lindo jardim... Adoro estar no teu jardim cada vez mais! um lindo domingo,beijos,chica

     
  • Às 2 de abril de 2011 às 23:15 , Blogger flor de jasmim disse...

    Lilá(s) Querida
    Lindas estas imagens, eu adoro tudo quanto é flor até as do campo, tenho um jardim com árvores muitas flores, rosas de várias cores, hortenses, frézias, azálias, sardinheiras de todas as cores, trepadeiras variadas, tenho 2 árvores centenárias uma delas é uma faia com que se fazem móveis. Adoro o campo onde vivo.
    Beijinho

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 09:54 , Blogger helia disse...

    É linda a Primavera e lindas são as flores que nos oferece!

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 12:50 , Blogger Há.dias.assim disse...

    um jardim assim com música e tudo, não apetece sair daqui

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 15:23 , Blogger Estela disse...

    Adorei conhecer o Kafka e seu jardim.
    Esses "pequenos" adoram se esconder entre as folhagens (rsss).
    Bjs.

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 18:58 , Blogger Estela disse...

    Tem um Selinho pra você no "Guardados e Achados".
    Bjs.

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 21:25 , Blogger mfc disse...

    Gosto destes teus amores!

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 21:30 , Blogger AC disse...

    Carapaça original... :)
    Lila, o seu jardim é um mundo!

    Beijo :)

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 22:23 , OpenID nacasadorau disse...

    Gostei da ideia de ter um Kafka no jardim :)
    Só não sei o que os gatos lhe farão???
    Melhor pensar duas vezes!

    Amiga Lila, é mesmo assim. Já tenho botões de rosa mas mínimos, ainda vão tardar até abrirem as primeiras rosas, só lá mais para daqui a duas semanas ou mais.

    O meu desespero é que foi o José que limpou os canteiros e há espécies que não floriram :((
    o que me leva a pensar que ele eliminou por puro desconhecimento.

    Adoro miosótis azuis, quase roxos, e estes abundam porque se propagam facilmente pelo efeito do vento, como sabes.
    Fui dar com ele a retirar dos canteiros os pobres mitismos. Agora já sabe :))
    Já estou bem melhor, agora vai mesmo. Sinto-o.
    Mas o facto de ter estado adoentada já tem reflexos negativos no jardim :))))

    Minhas lindas flores, só eu sei cuidar.

    Beijinhos com muita alegria primaveril.

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 22:52 , Blogger São disse...

    A Primavera é o retorno da VIda no seu esplendor...

    O Alentejo está lindo!

    Uma feliz semana

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 23:30 , Blogger Vieira Calado disse...

    Com ou sem K,

    o jardim é sempre uma maravilha!

    Bjjss

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 23:38 , Blogger Lena disse...

    Oi, amiga
    Lindo o post. A vida de tudo corre simultaneamente a um mundão de coisas que estão também acontecendo... Às vezes, ninguém repara nessas pequenas coisas. Mas, elas nascem, vivem e sobrevivem pra deixar nossas vidas mais belas.
    Achei essa parte do texto muito linda:"...a prova da corrente de vida que se encontra abaixo da superfície. Vai-se sentindo a Primavera. Cresce a vontade de continuar em frente e viver com mais prazer um dia de cada vez..."
    Beijos e uma linda semana pra você!

     
  • Às 3 de abril de 2011 às 23:52 , Blogger Miguel disse...

    Imagens maravilhosas, a primavera por anteceder o verão também é maravilhosa. Gostei muito do teu espaço, acredito que voltarei infinitas vezes. Até logo mais minha cara.

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 08:50 , Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

    Muito bonito este seu post.
    Beijinho e boa semana,
    Irene

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 15:02 , Blogger Lilazdavioleta disse...

    Maravilha este jardim .
    Sente - se amor e atenção
    E que bom ter um Kafka . Gosto muito destes amiguinhos . Até agora apenas tive tartarugas .

    Um beijo e fica bem .

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 15:05 , Blogger Pelos caminhos da vida. disse...

    É a primavera dando seu ar da graça.

    Tem selinho comemorativo lá no blog, vc faz parte desse numero, obrigada, fique à vontade para trazê-lo.

    Um linda semana primaveril pra vc amiga.

    beijooo.

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 16:55 , Blogger Fa menor disse...

    Este jardim é um paraíso... :)

    Boa semana!

    Bjins

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 19:56 , Blogger Mariazita disse...

    A primavera parece querer, lenta mas seguramente, assentar os gentis pesinhos.
    É um prazer incomum apreciar o despontar das plantas, tentar adivinhar a cor com que vão deslumbrar-nos.
    A eterna oferta da natureza!
    O Kafka deve estar bem feliz, mas precisa de um retoque na pintura :)

    Boa semana. Beijinhos

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 21:51 , Blogger flor de jasmim disse...

    Querida Lilá(s)
    Tens miminho no meu cantinho.
    Beijinho

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 22:44 , Blogger Mona Lisa disse...

    Olá

    Mais um novo ciclo que desabrocha...
    Adorei ver o "Kafka"...um amor!

    Beijos.

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 23:03 , Blogger AFRICA EM POESIA disse...

    m beijo grande para ti...AMIGA





    a Crise
    Está retratada no meu poema apenas numa vertente a família
    Mas há muito mais e todos sabemos.
    Eu tenho uma família unida e com valores mas...
    para onde caminhamos???

    É muito preocupante esta sociedade
    que nos cerca..

    Como to estou verse-escuro...
    Crise
    O mundo caminha
    Por ondas e ciclos...
    O mundo caminha
    Para a queda...

    Porque a família
    Não está...
    Porque a família
    Perde a força...

    E a sociedade humana
    Por diversos factores
    Tem muita gente imatura...

    Sem união familiar...
    Sem amor...
    Sem gosto pela vida...

    A crise rapidamente...
    Fica instalada!...

    LILI LARANJO

     
  • Às 4 de abril de 2011 às 23:33 , Anonymous Marinela disse...

    ...este jardim é mesmo lndo, mesmo sem o conhecer sei que existem muitos botões a florirem assim que chega o momento certo....assim como chegou o momento do "Kafka" sair do seu esconderijo....é o momento certo para vir cumprimentar suas companheiras...as lindas flores deste jardim......
    Uma boa semna querida Amiga....Beijos

     
  • Às 5 de abril de 2011 às 00:07 , Blogger piedadevieira disse...

    Adorei o Kafka.
    Seu jardim está com a cara da primavera: lindíssimo!
    Beijos

     
  • Às 5 de abril de 2011 às 00:54 , Blogger ONG ALERTA disse...

    Maravilhoso jardim, beijo Lisette.

     
  • Às 5 de abril de 2011 às 12:32 , Blogger Petrus Monte Real disse...

    Lilá(s),
    A sua Primavera, tão bem descrita em tão poucas palavras, ajuda mesmo a descobrir a importância e riqueza da vida interior, por vezes escondida até do nosso próprio olhar!
    E tem uma força que contagia!
    Boa semana.
    Bjs

     
  • Às 5 de abril de 2011 às 14:57 , Blogger Natural.Origin disse...

    Jardim muito florido...

    Sorriso:)

     
  • Às 5 de abril de 2011 às 17:59 , Blogger Perola disse...

    Um beijo minha flor querida.

     
  • Às 5 de abril de 2011 às 23:39 , Blogger Isabel Maria Rosa Furtado Cabral Gomes da Costa disse...

    É tão bom poder usufruir de um pedaço da natureza, ter um jardim, ter flores, ter a Primavera a cantar e a pulsar em nós! E nós, assim felizes, a deixarmos que ela opere em nós uma série de transformações e nos acaricie o coração. Enquanto houver Primavera, há vida.
    Um beijo.

     
  • Às 6 de abril de 2011 às 00:11 , Blogger Flor de Lótus disse...

    Humm que delicia por ai a primavera chegou por ai o outono chegou, as folhas caem e época da natureza se preparar para o renascimento...
    Beijosss

     
  • Às 6 de abril de 2011 às 03:16 , Blogger Sônia Silvino disse...

    Adorei conhecer o Kafka. Que vida boa ele tem nesse lindo jardim, amiga!
    Beijos meus, amada!

     
  • Às 6 de abril de 2011 às 12:18 , Blogger gaivota disse...

    que lindo! tive 2 tartarugas que cresceram, cresceram... dei-as para um lago num jardim, em coimbra!
    o despertar de cenas primaveris
    beijinhos

     
  • Às 6 de abril de 2011 às 12:33 , Blogger Tatiana disse...

    A natureza é uma dádiva e quem tem "olhos de ver" percebe em cada cantinho o milagre da criação!

    Desejo para você um dia repleto de dádivas!
    Um abraço carinhoso

     
  • Às 6 de abril de 2011 às 21:04 , Blogger Manuela Freitas disse...

    Olá querida Lila,
    A Primavera é um milagre da Natureza e eu procuro sempre encher os meus olhos com os seus prodígios!
    Agradeço esse beijo especial que deixaste no meu blogue!
    Um grande abraço,
    Manuela

     
  • Às 7 de abril de 2011 às 00:04 , Blogger Paty disse...

    Oi Lilás ...

    ótima quinta....

     
  • Às 7 de abril de 2011 às 01:14 , Blogger Mariz disse...

    Vim agradecer o carinho q vc deixou no blog pelo meu níver...obrigada.

    mil beijos!

     
  • Às 7 de abril de 2011 às 02:01 , Blogger Li Dias disse...

    'Você não sabe a energia que reside no silêncio.'
    Franz Kafka
    E lá vai o Kafka , no seu silêncio a desvendar as novas folhinhas...
    Bela escolha!!
    bjs

     
  • Às 7 de abril de 2011 às 18:40 , Blogger Justine disse...

    O despertar dos movimentos secretos da terra - há lá maior milagre! E temo-lo todos os anos:))
    (O Kafka acompanha esse despertar, serenamente - que belo!)

     
  • Às 7 de abril de 2011 às 20:51 , Blogger MagyMay disse...

    Kafka também é primavera, também é renascer... e nós, temos que seguir a "onda"!

    Beijos

     
  • Às 7 de abril de 2011 às 21:17 , Anonymous Anónimo disse...

    Vim em busca da tranuilidade que aqui se respira...faz-me tão bem!
    Beijinhos
    TT

     
  • Às 8 de abril de 2011 às 02:02 , Blogger Flor de Lótus disse...

    Oi,Passnado para desejar-lhe um ótimo final de semana em meio a essa natureza linda e esplendorosa.
    Beijosss

     
  • Às 10 de abril de 2011 às 22:59 , Blogger Mz disse...

    Muito engraçado o teu "Kafka" e, a ideia de o assinalar foi muito inteligente.
    Muito prazer Sr. Kafka!
    :)

     
  • Às 12 de abril de 2011 às 00:09 , Blogger AFRICA EM POESIA disse...

    Deixo o meu carinho ...
    é bom sentir gente que é mesmo gente ao pé de mim...


    O selo é teu...é o meu presente...


    C omeço por dar os parabéns
    E é lindo chegar a estes números
    M uitos anónimos passaram na África em Poesia

    M uitos amigos vieram dar um beijo
    I limitada a minha felicidade
    L inda esta ligação bem forte...

    V im a medo para a blogosfera
    I maginava que não ia ficar
    S em grandes ambições vim e adorei
    I mediatamente chegaram amigos
    T antos e tão bons que agradeço...
    A braço-vos neste momento
    N ão deixaremos de brindar com champanhe
    T eremos o saboroso bolo de chocolate
    E é graças a Vós que guardo no coração 100.000
    S erei sempre vossa amiga-Gosto muito de cada
    um de vós!...

     

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

 
Free Flower Cursors at www.totallyfreecursors.com